# Our family | As 10 melhores desculpas para não dormir


Estar de férias implica mudar as rotinas. Normalmente, uma das coisas que prezamos [e muito!] é poder não ligar a despertadores, poder acordar naturalmente, devagar, e há hora que o nosso corpo quiser! Estas férias da Páscoa não foram excepção, mas agora há que retomar a rotina e os horários e a verdade é que não tem sido nada fácil!

No que toca à hora de dormir, regra geral, somos uns sortudos. O Daniel e a Carolina foram habituados desde cedo a dormir sozinhos, aos 3 meses passaram para o quarto deles e nunca os ficámos a adormecer. Já tiveram fases em  que demoravam a adormecer, mas no geral são rápidos e silenciosos, provavelmente porque estão cansados! Mas, agora, nesta fase de se voltarem a habituar a deitar cedo e cedo erguer, temos tido algumas dificuldades em que acalmem a horas "decentes"!


Por isso, reuni um pouco do que vivemos nos nossos fins de dia cá em casa, e trago-vos as 10 melhores desculpas para não dormir, by Daniel & Carolina.


1. Tenho comichão em todo o lado. Esta não objectiva um sítio com comichão, uma picadela de melga ou um rabinho assado. É geral! Comichão em todo o lado!

2. O mano (ou a mana) está a ressonar, isto dito com o outro ao lado! Acordado! Claro!

3. Só quero dar mais um beijinho. A que usam quando se levantam sorrateiramente e vêem que ainda estamos na sala a ver televisão. Normalmente depois dos vários beijinhos e abraços segue-se um "Posso ficar aqui contigo só um bocadinho?".

4. Gosto muito de ti. Aquela que sabem que implica não haver ralhete apesar de serem rapidamente reconduzidos para a cama. Há lá quem resista a uma declaração de amor!

5. Estava com saudades tuas. Mesmo que seja num dia em que passámos 24 horas juntos!

6. Tenho xixi / Tenho cocó. O clássico! Quem nunca usou esta ponha o dedo no ar! Se nós usámos como é que os nossos filhos não hão-de usar também??

7. Tenho sede. Mesmo que tenha acabado de beber 1 copo enorme de água, por vezes a sede súbita ataca e precisamos de mais uma gota de água que seja. Mesmo que para isso o pai ou a mãe tenham que sair da cama e descer até andar de baixo.

8. Não tenho sono. Mais um clássico! Normalmente mando-os contar ovelhas ou fechar os olhos com muita força e pensar nas coisas boas do dia. Nem sempre resulta...

9. Preciso que me tapes outra vez. Tenho muito frio. Esta é usada seja Inverno ou seja Verão! E por tapar entenda-se entalar a roupa da cama bem entaladinha para dormirem aconchegados.

10. Perdi a meia dentro da cama. Mesmo que seja a Carolina, que nunca dorme de meias, esta é sempre uma desculpa válida!


E por aí? Como é a hora de adormecer? Tranquila ou atribulada? E as melhores desculpas que já receberam para não dormir? Contem-me tudo! 

Sem comentários: