# Mum Look | Lidar com as mudanças do corpo e sair da zona de conforto


Até engravidar, sempre fui magra. Mesmo com as normais oscilações de peso que todas sofremos em determinadas alturas das nossas vidas, nunca passei dos 53kg e durante muito tempo estive abaixo dos 50kg. Sempre fui uma miúda que ficava com uma proeminência abdomnial depois de comer, mas nunca tive barriga e sempre vesti roupa justa e tops curtos sem qualquer problema. Depois... bom... depois tive uma gravidez de gémeos, e nunca nada voltou a ser o que era!

Não fico deprimida por pensar que tenho barriga, mas a verdade é que ela me chateia! Não faço questão de a andar a exibir, quer na praia [mas aí acabo por me borrifar na coisa e uso bikini na mesma], quer na rua. A verdade é que não voltei a ter a forma física que tinha antes, e a proeminência abdominal tornou-se presença constante, o que fez com que deixasse de vestir uma boa parte do meu guarda roupa!

Tenho tentado aos poucos melhorar este ponto, quer com alimentação mais cuidada quer com desporto, mas não sou adepta de dietas restritivas nem tenho vida nem para treinar tanto como gostaria, pelo que tem sido um processo muito lento. Acresce ainda a isto o facto de ter quase a certeza de que tenho uma ligeira diástase abdominal mas nunca ter feito nada para ter esta certeza nem para resolver o que eventualmente fosse necessário resolver. Mas isto será matéria para outro post.

Na semana passada, deparei-me com uns conjuntos de duas peças que me fizeram recuar uns anos e relembrar alguns que tive na adolescência. São crop tops combinados com saias ou calções no mesmo padrão. Adoro! Mas... e a barriga? Se a peça debaixo tiver cintura mais subida disfarça, mas serei eu capaz de sair à rua com um modelito deste género?


O que é vocês acham? Arrisco? Se fosse convosco o que faziam? Estou indecisa e sem saber bem se mando vir ou não... Vá! Opinem sff! Gosto mesmo muito deste que está aqui abaixo... [Se clicarem nas imagens vão directos para a página onde podem ver as peças de todos os ângulos]

Sem comentários: