7 Dicas eficazes para controlar os excessos

[Imagem daqui]

É inevitável. Após o Natal e todos os excessos inerentes à época, é comum tomarmos decisões sobre como potenciar o nosso lado saudável. Mas não será ainda pior se no meio de vários dias de alimentação cuidada cometermos excessos? O equilíbrio que havíamos tentado manter à custa de uma grande força de vontade de repente cai por água abaixo e perdem-se os benefícios.

Todos pensamos que "uma facadinha" não fará mal ao equilíbrio, e é verdade, mas é necessário ter atenção a alguns detalhes para que não saiba completamente abalado. Hoje trazemos alguns conselhos práticos para cuidarmos melhor de nós.

1. Não se excedam todos os dias

Seleccionem os dias em que pensam que vão a exceder-se (festas, aniversários, jantares com amigos) e nos restantes façam um esforço consciente. 

2. Ajudem o organismo a não absorver gordura

Antes destes dias em que sabem que vão exceder-se, tomem carvão vegetal activado [por exemplo este] pois ajuda a reduzir a absorção de gorduras, açúcares, gases e toxinas. Este produto 100% natural, procedente das cascas de coco, é o maior absorvente natural que existe e se utiliza para eliminar todas as substâncias que não sejam saudáveis para o organismo.

3. Tenham cuidado especialmente com o jantar

Os hidratos de carbono são especialmente desaconselháveis na hora do jantar, porque que toda a energia que aportam ao organismo transforma-se em gordura se não for gasta. 

4. Não cheguem às refeições com uma fome voraz

Tentem comer uma peça de fruta ou um iogurte um pouco antes da refeição; desta forma suavizam a sensação de fome e isto ajudará a reduzir as proporções quase sem se dar conta.

5. Mexam o corpo!

Não se esqueçam que o exercício também queima calorias. Se não são fãs de ginásio, subam escadas, passeiem, utilizem menos o carro.

6. Mantenham-se hidratados

Frequentemente pensamos ter fome quando em realidade o nosso corpo está com sede. Quando pensarem que precisam de petiscar alguma coisa bebam primeiro um copo de água. Ficarão saciado na maior parte das vezes.

7. Não digam ‘sim’ a tudo

Já que é impossível evitar todas as tentações, tentem seleccionar. Não é preciso provar todas as variedades de doces da mesa nem encher o prato. Lembrem-se que os açúcares refinados e os hidratos de carbono são 100% aditivos.

E para evitar as indigestões:

• Planifiquem bem as ementas

• Mastiguem bem e come devagar

• Comecem sempre o jantar e as refeições com sopas ou caldos saciantes ou saladas de verduras ou legumes

• Não bebam grandes quantidades de líquidos durante as refeições, e menos se contém álcool

• Evitem os molhos elaborados, comidas gordas, assim como o excesso de sal

• Evitem também o excesso de café, chá e doces ao terminar a refeição, optem por uma sobremesa saudável, como sorvete ou fruta. 

E depois de um dia de excessos, compensem para que o vosso organismo se sinta melhor! Uma dieta mais depurativa, com caldos de verduras, frutas e sumos naturais e muita água ao longo de todo o dia, ajudará a compensar os excessos e também é uma eficaz desintoxicação para o organismo. Como normalmente os excessos alimentares são acompanhados por excessos de álcool, é muito recomendável começar o “dia depois” com um bom sumo de frutas antioxidantes (por exemplo um sumo de tomate). E no pequeno almoço e lanche, frutas ou sumos depurativos (laranja, mamão, ananás). A comida deve ser leve: alguma verdura ou caldo, um puré ligeiro ou uma salada verde com vinagre de maçã e uma proteína ligeira (ovo ou frango, por exemplo). E para o jantar, o melhor é um caldo, alguma verdura ou fruta como única opção.

Uma óptima alternativa para o dia após os excessos são os planos de Souping da Drink 6. Saibam como podem ganhar um destes planos aqui. Podem concorrer até dia 15 de Janeiro! 

Sem comentários: