A nossa higiene oral melhorou! Querem saber como?



Comecei a ir ao dentista com cerca de 5 anos. Tinha muito pouco cuidado com a minha higiene oral, detestava lavar os dentes, e desenvolvi cáries nos dentes de leite bastante cedo. Uma coisa que hoje em dia me faz imensa confusão, que não consigo conceber para os meus filhos e que deixou sequelas nos meus dentes para sempre.

Com o crescimento os meus cuidados no que respeita a higiene oral melhoraram [obviamente] mas fiquei sempre com dentes frágeis e muito propensos a cáries. Aos 14 anos pus o meu primeiro aparelho de correcção ortodôntica, e claro que, nessa fase, os cuidados redobraram e comecei a escovar os dentes com mais frequência e a prestar mais atenção a uma zona que ainda é muito esquecida: os espaços interdentais. 

A forma como o nosso país trata a saúde oral, confesso, desilude-me. O acesso aos cuidados básicos é dispendioso, o Programa Nacional de Promoção de Saúde Oral funciona mal e está cheio de lacunas e a verdade é que ainda se vêem muitas pessoas, adultos e crianças, com uma dentição que revela necessidade de intervenção urgente. 

Para mim, o sorriso é um espelho da nossa alma, e na verdade é quase como que um cartão de visita que apresentamos e que numa primeira impressão, faz a diferença! Para além disso, é uma vertente de saúde muito importante, pois quando uma pessoa não goza de saúde oral não está de perfeita saúde. A melhor forma de tratamento é a prevenção, pelo que cabe-nos a nós zelar pela nossa saúde oral, e encontrar os aliados certos para nos ajudar nesta tarefa. Uma boca saudável facilita a comunicação e a interacção com os outros. A saúde oral está ao alcance de todos, e é isso que tento que os meus filhos aprendam, para que cresçam com dentes saudáveis e fortes e não carreguem a herança da mãe nesse ponto.


Foi por tudo isto que aceitei o desafio da Curaprox para conhecermos na primeira pessoa os produtos da marca Suiça, que prometem ajudar a promover a saúde oral dos Portugueses. A marca entrou recentemente no mercado Português, e para além de um design moderno com cores muito apelativas apresenta uma gama de produtos que se adaptam às necessidades de todo o tipo de dentição.

Em determinada altura da minha vida, sofri de retracção da gengiva, porque não só escovava os dentes demasiadas vezes, como usava escovas com filamentos demasiado duros. Para evitar a retracção, recomendaram-me ter em atenção os filamentos das escovas e escovar os dentes apenas duas vezes por dia [de manhã e à noite é suficiente]. É no espaço entre o dente e a gengiva - sulco gengival - que as bactérias causam mais danos, pelo que requer cuidado extra, para evitar a formação de placa bacteriana. A gama Curaprox tem uma escova concebida exactamente para este fim, a CS 5460 Ultra soft, com filamentos suaves, muito finos e altamente eficazes devido à sua composição [e disponíveis numa gama de cores fabulosa!]. Segui as recomendações da marca, e testei a escovagem dos dentes com a escova posicionada num ângulo de 45 graus, metade sobre a gengiva, e metade sobre os dentes, escovando com pequenos movimentos circulares, sem exercer praticamente nenhuma pressão. Passadas cerca de duas semanas de teste, a verdade é que a gengiva sai ilesa desta escovagem, nunca mais fiquei com sensibilidade e se fizer uma observação minuciosa consigo notar que os espaços interdentais ficam com um grau de limpeza superior. Para mim, pessoalmente, esta foi a eleita!



Não obstante a sensibilidade da gengiva, no meu caso pessoal, não posso descurar um outro detalhe. Devido aos aparelhos de correcção ortodôntica que usei, tenho ainda [e terei, porque por opção não vou remover], um aparelho de contenção colocado no interior de cada uma das arcadas dentárias. O aparelho de contenção consiste num arame, fixo com cola dentária no interior dos dentes. Os meus, situam-se entre caninos, o que dificulta a eficácia da escovagem e o acesso aos espaços interdentais, potenciando eventuais problemas associados à higiene oral. Para casos como o meu, ou para quem está em plena fase de tratamento correctivo com recurso a aparelho, a marca tem também uma escova que foi concebida exactamente para lidar com aparelhos, a CS 5460 Orto. Com filamentos muito finos e densos, esta escova possui uma ranhura nos filamentos e foi desenhada especialmente para limpar os braquetes e fios metálicos e as zonas de difícil acesso, ajudando na limpeza dos aparelhos, dentes e gengivas de forma suave e cuidada. Estou a usar esta alternada com a anterior, e é bastante eficaz. Teria sido muito útil nos anos longos de correcção ortodôntica.


Cá em casa os nossos filhos já lavam os dentes há muito tempo, e com 4 anos, muitas vezes são mesmo eles que nos recordam que ainda não lavaram os dentes antes de irem dormir! Nestas duas semanas, têm testado as Curakid CK 4260 Super soft, que são adequadas desde o momento do nascimento do primeiro dente. Com filamentos ultra-suaves, para não haver risco de magoar a mucosa oral, que nesta fase do desenvolvimento é extremamente sensível, com uma cabeça bastante estreita e com um revestimento em plástico macio, para que a escovagem seja feita com protecção e diversão! O Daniel e a Carolina adoram as suas escovas, pois ergonomicamente adaptam-se muito bem às pequenas maõzinhas, permitindo que os deixemos escovar os dentes sozinhos com eficácia. Claro que, estamos sempre na retaguarda a supervisionar e por vezes damos uma ajuda, mas eles já sabem como devem fazer os movimentos para que toda a dentição fique bem escovada, e fazem da hora da lavagem de dentes mais um momento de brincadeira.





Para o homem da casa, os modelos mais apelativos foram os inovadores black is white e white is black. A escova branca e a escova preta juntam-se à pasta de dentes preta, branqueadora, com carvão activado e que não é abrasiva para o esmalte dos dentes, ao contrário da maioria das pastas branqueadoras do mercado. O carvão activado adsorve as partículas que provocam descoloração do dente, particularmente as do chá, do café, a nicotina e vinho tinto, que são os principais responsáveis pelo desaparecimento do branco dos dentes. Esta pasta oferece o dobro da protecção contra as cáries, graças ao fluoreto de sódio, ao sistema enzimático, e ao hidroxilapatite, que reforça a estrutura do dente.



Para além das escovas, temos testado ainda um outro produto da marca, especialmente concebido para higienização dos espaços interdentais. Se são como eu e detestam usar fio dental, experimentem estes escovilhões interdentais. Já conhecia alguns escovilhões, porque na fase da correcção ortodôntica tinha tentado utilizar, mas nunca me dei bem com nenhum dos que experimentei. Os CPS Prime são escovilhões mais pequenos e estreitos, e limpam de forma particularmente fácil e eficaz as superfícies dos dentes e o espaço interdental. Com filamentos longos e muita elasticidade, ocupam todo o espaço interdental alcançando todas as áreas críticas sem magoar. Estes escovilhões promovem a limpeza com o efeito guarda-chuva, de forma suave e eficaz e estão disponíveis em cinco tamanhos. A mim, pessoalmente, ajudam-me também nas zonas em que se encontra a contenção, pois conseguem chegar mesmo aos pontos de mais difícil acesso. A utilização do escovilhão interdental é bastante simples, devendo ser introduzido no espaço interdental inclinado, e depois sem qualquer pressão, endireita-se e empurra-se com pressão suave, fazendo apenas um único movimento de limpeza, para dentro, e para fora! Idealmente, o tamanho correto do escovilhão, deve ser determinado pelo médico dentista, uma vez que os espaços variam de pessoa para pessoa e inclusivamente de dente para dente.




A marca dispõe ainda de uma gama de pastas dentífricas e elixires, que complementam a escovagem dos dentes. A pasta dentífrica Enzycal estimula os mecanismos de defesa naturais graças ao seu sistema lactoperoxidase. As enzimas deste sistema reforçam a mucosa, promovendo a remineralização e protegem contra a secura da boca. Adicionalmente são isentas de LSS (lauril sulfato de sódio) - um composto químico com propriedades detergentes, que é o principal responsável pela formação de espuma, e é agressivo para a mucosa oral. Os colutórios de clorohexidina com sistema ADS® (Sistema anti-descoloração), ajudam a que praticamente nenhuma descoloração acastanhada e perda mínima do paladar surja.




A nós, pela abordagem arrojada e pela eficácia comprovada, a Curaprox convenceu-nos! Está presente no dia-a-dia da nossa família e colabora no nosso caminho para uma vida mais saudável!

[Post escrito em colaboração com a marca]

1 comentário:

Ana Marques disse...

Woooow, fiquei tentada a experimentar. Compra-se em qualquer supermercado ou só em farmácias?
Sempre tive os dentes tortos e por isso desleixava me quando era nova. Mas depois que a minha mae fez uma ginástica orçamental para me conseguir por um aparelho passei a estimar muito os meus dentes. Depois na gravidez fiquei com eles upouco amarelados o que me deixa muito triste.
Realmente cá em Portugal é carissimo ir ao dentista. Isso devia mudar!!