Dicas de alimentação para as férias


Como sabem, estamos de férias! O tempo tem sido passado com toda a calma e maioritariamente perto de água, pelo que, com pouca roupa! Claro que nesta altura temos mais presente o estado real da nossa forma física, que no meu caso está longe do que desejaria, pelo que convém não ignorar por completo os cuidados que costumamos ter durante o resto do ano com a alimentação, para que o estrago não seja exagerado.

Todos sabemos que Verão e férias rimam com gelados, jantaradas, petiscos e afins, mas podemos fazê-lo com alguma moderação e sempre considerando alguns pressupostos que nos possam ajudar a minimizar o estrago! Hoje trago-vos 10 alimentos que não podem faltar nas refeições para as férias:



-       Maçã – quando a maçã é ingerida retarda a absorção da glicose e dificulta a absorção das gorduras. Além disso, é também um excelente lanche da manhã que ajuda a neutralizar as toxinas do organismo. Adoro maçãs por isso esta é simples!
 
-       Arroz Integral – é uma alternativa ao arroz tradicional que contém fibras, vitamina B e minerais (magnésio e cromo), favorecendo a digestão do açúcar e o funcionamento do intestino. Sou pouco consumidora de arroz, mas um dia destes experimento o integral.
 
-       Salmão, sardinha e atum – estes três tipos de peixes possuem pouca gordura e são ricos em Ómega 3, um famoso antioxidante e em proteínas. Salmão e atum dêem-me em quantidade e cozinhado de toda e qualquer maneira, agora sardinhas... só de conserva!
 
-       Nozes – são um excelente snack de praia e uma fonte de magnésio, que fortalece o sistema imunológico e melhora a circulação. Fácil de me convencerem! Adoro!
 
-       Abacaxi – poucos sabem, mas o abacaxi é rico em bromelina, uma enzima que age como anti-inflamatório e ajuda a combater as irregularidades da pele. Não gosto do trabalho que dá a arranjar, mas gosto de o comer!
 
-       Cenoura – além de ajudar a conquistar um bronzeado duradouro, a cenoura contém betacaroteno, substância que protege as células e consequentemente reduz a inflamação, ajudando a reduzir a pele casca de laranja. Uma das coisas que consumo imenso!
 
-       Frutos vermelhos – as frutas vermelhas são ricas em vitamina C e A e em antioxidantes que além de combaterem os radicais livres, fortalecem os vasos sanguíneos e diminuem a produção de insulina. Todos eles fazem parte das minhas preferências em matéria de fruta.
 
-       Banana – a banana contém potássio, o que estimula o processo de drenagem linfática e é rica em fibras, que ajudam a regular o intestino, reduzindo a absorção de gorduras. Outra das frutas que adoro e que consumo sem qualquer dificuldade
 
-       Chá verde – é famoso pela sua acção antioxidante e diurética, sendo um óptimo aliado no controlo da pele casca de laranja. Não é o meu favorito, embora haja umas versões aromatizadas que já me agradam mais.
 
-       Linhaça – além de ser uma óptima adição a saladas, tem uma acção anti-inflamatória, que reduz as inflamações e ajuda a regular o intestino. É também rica em Ómega 3, um antioxidante que aumenta a quantidade de gorduras boas. Óptima para mistura em saladas e batidos. Consumo regularmente!
 
Quando se declara guerra à casca de laranja, um regime alimentar variado e equilibrado pode ser complementado com suplementos alimentares. Esta informação foi disponibilizada pela Cellulase, um suplemento à base de ingredientes activos de origem natural que actuam em perfeita sinergia e lhe permitem dizer adeus à pele casca de laranja. 

Sem comentários: