#64 Solidariedade | Os abraços do Xi-Coração


No próximo dia 22 celebra-se o Dia do Abraço. Para o assinalar, vai ser lançado um novo projecto de informação e esclarecimento na área da oncologia pediátrica. “Os Abraços do Xi-Coração” é um blogue de histórias originais que promovem a esperança e o optimismo para quem vive uma situação de cancro infantil. Uma iniciativa da Fundação Rui Osório de Castro, instituição de solidariedade social sem fins lucrativos que apoia a oncologia pediátrica nas áreas da informação e da investigação científica.


O Xi-Coração é a mascote da Fundação Rui Osório de Castro e o herói destas histórias aos quadradinhos. Com os seus braços enormes quer abraçar todas as crianças do mundo mas também os seus familiares e amigos e irá fazê-lo neste novo projecto que nasce sobre a premissa da esperança.

“Os Abraços do Xi-Coração” relata a existência de “um quarto que ganha vida. Quando tudo o que restava era dor e sofrimento, talvez surja um vulto de esperança. Talvez o optimismo vença a realidade dura de uma doença. Talvez se consigam fechar as lágrimas numa caixa. Talvez se mande o pessimismo às urtigas. Talvez tudo isto seja mais difícil do que o Xi-Coração imaginou. Talvez um abraço seja suficiente, ou então dois ou três. Ou então talvez não. Talvez o melhor seja mesmo acompanhar a única história no mundo que junta no mesmo quarto uma girafa com medo das alturas, um cão salsicha esfomeado por roer o osso da tristeza, uma coruja armada ao pingarelho, uma cobra sempre a meter veneno e uma almofada 100% algodão, 200% apaixonada.”

As histórias são contadas sob a forma de banda desenhada. Pretendem atingir um público adulto e servir de apoio a familiares e amigos de crianças com cancro para uma maior educação e compreensão da doença.

Está disponível um teaser do projecto no blogue oficial “Os Abraços do Xi-Coração” , e no Dia do Abraço é lançada a primeira história. Duas vezes por mês são adicionados novos capítulos à aventura do Xi-Coração.


O projecto da Fundação Rui Osório de Castro conta com o apoio da Fundação Montepio, colaboração da Ogilvy Portugal e ilustrações de Carlos Antunes.

Sem comentários: