Rebeldia vs Doçura

Dizem que sai à mãe, e a verdade é que já houve algumas situações em que me revi completamente em respostas, olhares, narizes empinados. Tenho mesmo que dar a mão à palmatória, a minha filha é uma cópia minha!


Os novos hábitos que agora adquiriu, [associados à teimosia que lhe é tão característica e que dizem que eu própria também tenho], é que não sei onde foi adquirir! Sempre que é contrariada, em particular por mim, levanta-me a mão, dá murros na mesa ou bate o pé no chão! Em simultâneo abre muito os olhos e diz: "não e não e não"! - com uma voz decidida e zangada! Tem azar, porque pode ser teimosa, mas não é de certeza mais teimosa que eu, e por isso, regra geral, uns minutos depois de me zangar com ela ou de a pôr de castigo, chora que nem uma madalena arrependida e vem agarrar-se a mim a pedir desculpa. 

Por outro lado, continua a ser uma menina doce e carinhosa, que gosta de dar abraços e beijinhos a toda a hora, que se despede mais do que uma vez, quer antes de ir dormir, quer quando fica na creche de manhã. Pode estar a brincar muito entretida, que lá se lembra, para de brincar, vem ter comigo, dá-me beijinhos e abraços e fica agarrada a mim um bocado.

Hoje acordou cedinho para fazer xixi, e foi deitar-me na nossa cama. Subiu para a cama, deitou-se encostada a mim, aninhou-se e disse: "És muito fofinha mamã!". Haverá melhor forma de começar o dia?

Sem comentários: