Paris, uma semana depois!

Faz hoje uma semana que ocorreu o atentado de Paris. As imagens repetem-se diariamente nos principais canais de comunicação, as opiniões espalham-se pelas redes sociais, os comunicados políticos sucedem-se. Mas, e as nossas crianças? Perceberam o que se passava?


Soubemos do atentado logo na 6.ª feira à noite. Fomos a Lisboa  com um casal amigo, assistir a uma stand up comedy, e como chegámos um pouco mais cedo fomos beber um café. Entrámos no estabelecimento, pedimos cafés, sentámo-nos. Quando o olhar parou no écran da televisão... ficámos em silêncio, a tentar perceber o que se estava a passar em Paris naquele exacto momento em que nós, descansados e tranquilos, bebíamos um café em Lisboa.

Só mais tarde, depois do espectáculo, ficámos os 4 colados à televisão a ver as notícias em directo e a perceber um pouco melhor o que se estava realmente a passar. Lembrámos o 11 de Setembro, os atentados em Atocha em Madrid... falámos sobre as diferenças culturais que motivam este tipo de atentados, dos refugiados sírios, dos comunicados do Islão no inicio deste ano que diziam que estavam prestes a tomar conta da península ibérica, e dos mais recentes que diziam que já tinham sido infiltrados cerca de 5000 terroristas no meio dos refugiados. É assustador! Assusta-nos a nós, e certamente assusta ainda mais os miúdos, que não percebem exactamente porque é que isto acontece, não sabem o que significa a palavra terrorista, e só percebem que aconteceu uma coisa terrível.

Mas, devemos ou não abordar este assunto com os nossos filhos? Em nossa casa não abordámos. Não se vêem notícias em nossa casa, os miúdos não se aperceberam de nada e não tocaram no assunto. Podiam até ter ouvido falar do tema no colégio, mas não tocaram no assunto. A minha opção, e nem foi tema que fosse ponderado, foi de não abordar este assunto com eles. 

Há, no entanto, quem tenha opiniões diferentes. A decisão cabe a cada um de nós, e deve ser pensada de acordo com o que é a realidade de cada família. A Magda escreveu aqui um artigo que ajuda a pensar melhor este tema e a tomar as decisões de forma mais clara. 

Falemos ou não no assunto, é um tema que faz parte da nossa realidade, do nosso mundo, e não o podemos ignorar! Hoje presto homenagem às vitimas do atentado de Paris. Porque há uma semana foi em Paris, mas a qualquer altura pode ser aqui mesmo. 

Sem comentários: