A injustiça da vida

Minha querida... Sem te conhecer, conhecia-te. Procurava saber de ti todos os dias. Acompanhava e admirava a tua força. A forma como mantinhas um sorriso franco e contagiante mesmo nas situações mais difíceis. A tua beleza, o teu brilho, mesmo nos momentos em que devias sentir debilitada até não mais aguentar. 

Acabei de ler que o teu sofrimento chegou ao fim. Gostaria de saber que tinha sido porque ganhaste esta dura batalha, mas infelizmente ganhaste muitas pequenas batalhas mas acabaste por perder a maior de todas. Será certamente porque o sofrimento que se apresentava na tua vida no futuro era demasiado para uma menina suportar.

Tento acreditar que foi melhor assim, mas revolto-me com a injustiça desta vida. Resta-me pensar que não vais sofrer mais, que estas num sítio melhor, que chegaste finalmente ao teu destino.

És uma força e um exemplo querida Nono! Um beijo do tamanho do mundo!
Aos pais e à restante família e amigos próximos, um abraço apertado e muita força!

Sem comentários: