Senti-me a recuar...

... quase dois anos. Saiu ontem no Publico, esta noticia. Recebi-a por email, pela "mão" da minha irmã, e li-a de uma ponta à outra. E recuei no tempo. Lembrei-me de quão pequeninos e frágeis eram os meus filhos quando nasceram. Lembrei de todas as emoções que vivi naquelas primeiras duas semanas em que fui mãe. Arrepiei-me e pensei (uma vez mais), que felizmente, no nosso caso, correu tudo bem!

Sem comentários: