Crises

Esta foi a crise de início de semana! A semana começou mal... e ainda  querem que goste de 2.ªs feiras?

Depois de passar o dia todo com uma bruta dor de cabeça, cheguei à creche e o Daniel estava no banho. Fez um cocó gigante e sujou-se todo! Isto gerou 2 situações: atraso nos horários da família (que implica chegar a casa a uma hora em que não há ajuda para subir até ao 3o andar com os miúdos), e um saco de roupa cheia de cocó para lavar.

Quanto ao primeiro, a solução foi deixar no carro todos os casacos, sacos, malas e afins, e levar os dois ao colo pelos 3 andares de escadas que separam a garagem da porta de casa! Foi duro, muito duro, implicou várias paragens pelo caminho, e quando finalmente abri a porta, entrei em casa com os dois, fechei a porta com o pé, e deixei-me cair ao chão com eles! Enquanto eles começaram logo a pôr-se de pé e seguir viagem pelo chão da sala, eu fiquei ali uns minutos a recuperar o fôlego!

Depois de organizar as coisas, fui pôr a roupa do Daniel a lavar, e dado o estado em que estava o body interior, achei por bem passá-lo por água antes de colocar na máquina. Esquecida que estava, que o lava loiça estava entupido, foi logo ali que o passei... e eis que... água até ao cimo da cuba, e o conteúdo que vinha colado ao body e entretanto descolou... a boiar! (demorou uns 45 minutos a desaparecer, e depois lavei tudo com lixivia, claro!).

Durante o processo anterior, os miúdos andavam a brincar no quarto dos brinquedos, e às tantas ouvi os gatos a pegarem-se um com o outro... fui espreitar, e apanho o Sushi a fazer xixi no quarto dos brinquedos! Já na véspera tinha ido a piscina insuflável dos miúdos para o lixo por causa disso, e hoje mais umas coisas seguiram o mesmo caminho! (é o que dá ter um gato com infecção urinária!) Passei-me, corri com ele em berros, os miúdos a gatinhar por ali e eu com medo que andassem por cima do  xixi de gato, o gato a fugir para um lado, a gata a fugir para outro, e eu a tentar apanhar os dois sem que os miúdos fossem para cima do xixi nem levassem com nenhum gato em cima! Lá consegui, a muito custo, tirar os miúdos para a sala, e deixar os gatos fechados. E claro, fechar o quarto dos brinquedos até haver inspecção e limpeza minuciosa.

Depois disto tudo, fui (finalmente) ao andar de cima, buscar as pantufas deles, para os poder descalçar, e quando lá estava em cima, resolvi aproveitar para fazer as camas e arrumar as coisas que tinham ficado espalhadas de manhã. Ás tantas, oiço a Carolina chorar. Desço a correr, e encontro-a atrás da porta, que o irmão tinha fechado, enfiando os dois no hall. Pareceu-me que provavelmente ao fechar a porta passou por cima dos dedos dela... não havia danos visiveis, mas ela queixava-se dos dedos.

Sentei-me no chão, a dar-lhe mimos, o Daniel agarrou-se também ao meu pescoço, e ali fiquei, com os dois pendurados em mim, ela a chorar, ele tentar empurrá-la para caber melhor ao meu colo, e eu quase a desfalecer!

Fui auxiliada pelos sogros, que vinham tomar conta deles para nós podermos levar o Sushi ao veterinário. E enquanto eles tomaram conta dos miúdos, lá consegui acabar de arrumar as coisas lá em cima, tirar roupas para eles vestirem depois do banho, roupas para vestirem no dia seguinte para a creche, orientar o jantar deles, e finalmente... ter 30 segundos, para eu própria fazer um xixi! Inspeccionei e limpei o quarto de brinquedos, soltei os gatos, limpei a casa de banho onde estão as coisas deles, enfiei o Sushi na transportadora, e saí com o marido!

Levámos o gato ao vet, passámos no supermercado a comprar liquido para desentupir canos para o lava loiça da cozinha, pizzas para o jantar, e voámos para casa! E... já não chegámos a tempo de ver os miudos acordados. E não há nada pior para mim, do que não dar um beijo de boa noite aos meus filhos...

E às vezes ainda me questiono porque é que há momentos em que sinto que não aguento, momentos em que me apetece fugir.

5 comentários:

Beautiful Day disse...

Fiquei cansada só de ler...
Há dias mesmos lixados..

Beijinho e que hoje tenha sido um dia mais descansado :)

Karochinha disse...

Ainda bem que esses dias são poucos comparados com os dias bons. Aproveita as ajudas todas,acredito que não seja nada fácil com os dois e a casa e estes horários apertados da vida. E respira...
Beijocas nossas :)

Karochinha disse...

Ainda bem que esses dias são poucos comparados com os dias bons. Aproveita as ajudas todas,acredito que não seja nada fácil com os dois e a casa e estes horários apertados da vida. E respira...
Beijocas nossas :)

Patrícia Pinto disse...

Ufa!!!!! Isso de facto sem ajuda, com dois a querer e a fazer tudo ao mm tempo, é heróico!!
Graças a Deus a minha mais velha ajuda imenso e ja "se trata" sozinha....
Um beijinho e é como disse a Karochinha: os dias bons compensam largamente os maus!! ;)

Mamã de Peep-Toe disse...

Eu só de ler já fiquei cansada....muita calma minha querida...