Supermercados

Isto de ir ao supermercado fazer as compras do mês, sózinha com eles, tem muito que se lhe diga! Tem episódios engraçados, cansa, e também tem vantagens! 

Ora vejamos, enchi o carrinho tanto ou tão pouco, que a Carolina quase desapareceu no meio das compras. 
Despertei sorrisos e cumprimentos de pessoas que nunca vi, que faziam a pergunta clássica do "são gémeos?" ou observavam como os meus filhos são lindos, afirmando peremptoriamente que a Carolina é igual à mãe. 

Junto aos frigoríficos dos queijos, uma funcionária do continente, que já tinha sorrido para nós à primeira passagem (muito simpática por sinal!), perguntou quanto tempo tinham eles, porque sabia que tinha estado grávida mais ou menos ao mesmo tempo que eu? e o filho dela fazia agora 2 anos! E perguntam vocês... Sara Isabel, conhecias a senhora? E respondo eu... Não sei bem... A cara não me era estranha e falou na creche onde eles andam, mas não sei. Senhora do continente, se me ler, diga-me lá de onde nos conhecemos que fiquei a matutar nisso!

Quando (finalmente!) fui para a caixa, escolhi obviamente a caixa prioritária, onde havia fila de pessoas sem motivo de prioridade. A senhora da caixa perguntou se eu queria passar à frente, e eu obviamente aceitei! As pessoas da fila, umas sorriram e deram-me passagem, e outras fizeram uma contração facial disfarçada, desataram a atirar as compras do tapete novamente para o carrinho, e foram para outra caixa com um ar furioso. Para essas pessoas eu digo, azarucho! Vissem a placa da caixa antes de se enfiarem na fila!

Já no estacionamento, e depois de descarregar as compras no porta bagagens, e já com a Carolina sentada na cadeirinha, um casal de velhinhos, abordou-me, perguntando primeiro se são gémeos (claro!) e depois oferecendo-se para me dar a moeda e levar o carrinho, para eu não ter que ir arruma-lo. Eu respondi que agradecia mas que a minha moeda era de plástico, e a senhora respondeu: "sim eu já vi! A minha também! Tome lá e assim não precisa de deixar os meninos para ir arrumar o carrinho!" - e despediram-se com um sorriso e um felicidades!

E eu sentei o Daniel na cadeira, e seguimos viagem! Os três, e o porta bagagens cheio de compras!

2 comentários:

Soraia Queijo disse...

Para o bem e para o mal mãe de gémeos nunca passa despercebida! E ainda bem =)

Mãe Cereja
http://cereja-me.blogspot.pt/

Definitivamente São Dois disse...

Verdade Soraia! :) beijinho