O calor...

Aquele que tanto desejamos na época dos gorros e dos cachecóis;
Aquele por quem andávamos todos a chamar desde meados de Abril;
Aquele que nos traz cheiro a férias;
Aquele que nos põe de roupas leves e frescas;
Aquele que nos traz praia, areia, água salgada, piscina;
Aquele que nos põe com um tom dourado na pele;
Aquele que enche as ruas de cheiros a creme bronzeador e hidratante corporal;
Aquele que nos põe mais descontraídos e de sorriso mais fácil...
... Chegou em forca! Finalmente! 

E agora andamos a soprar;
A maldizer o volante do carro que queima;
A reclamar porque o ar condicionado do escritório avariou;
A chamar nomes a todos os que enchem o facebook de fotos da praia;
A invejar os que estão de férias;
A ansiar para que cheguem as nossas;
A praguejar porque dentro de casa não se respira;
A sonhar em ter ar condicionado em casa;
A tomar banho antes de ir para a cama e mesmo assim a dormir a suar;
A dormir mal porque o calor não deixa de marcar presença nem durante a noite;
A ver os nossos filhos caírem para o lado 2 horas mais cedo, porque estão cansados e o calor os põe moles...

E a pensar, como é que vamos aguentar, mais 2 meses disto até que cheguem as férias.



Sem comentários: